Engana-se quem acredita que, para aumentar a lucratividade da empresa, é preciso elevar o preço dos produtos e serviços a serem comercializados.

A verdade é que, por trás de toda empresa bem-sucedida e rentável, existem estratégias que garantem o aumento do ticket médio, da quantidade de clientes e do lucro, sem necessariamente mexer no preço final para o consumidor.

Quer aprender um pouco mais sobre isso e transformar a sua empresa? Continue a leitura.

Como aumentar a lucratividade sem elevar o preço?

Existem várias formas de aumentar a lucratividade da sua empresa sem mexer no valor cobrado ao cliente. Para isso, é preciso ter disposição e paciência para analisar os números, o comportamento do usuário e, a partir daí, criar um plano de ação que vai impactar sua empresa positivamente. Afinal, para manter uma empresa sustentável, é preciso aumentar a lucratividade e fazer a diferença no seu mercado de atuação.

Melhore o atendimento

Um bom atendimento é uma das partes fundamentais para o aumento da lucratividade. Ele afeta o seu negócio de várias maneiras. A primeira delas é na aquisição de novos clientes: um bom atendimento pode fazer com que aquela pessoa que, até então, estava com várias objeções, realmente compre com você.

A segunda, é no aumento do ticket médio: um atendimento de qualidade pode ajudar a aumentar a quantidade de produtos a serem comprados pelos seus clientes. A terceira, claro, está ligada ao próximo tópico: a fidelização de clientes.

Invista em tecnologia para fidelizar clientes

A fidelização dos clientes é um dos passos chave para o aumento da lucratividade e a melhora dos resultados da sua empresa.

Um cliente fiel e satisfeito tende não só a manter a recorrência de compra, como também a indicar a sua empresa para amigos e familiares. Isso acarreta não só o aumento dos lucros, mas o aumento da tabela de clientes, garantindo que você conquiste cada vez mais clientes, fidelize-os e mantenha esse ciclo ativo.

Invista em marketing digital

O marketing digital é, se comparado com as mídias tradicionais, a forma mais rentável de se comunicar. Isso acontece porque, felizmente, as plataformas permitem que você comece com valores baixos, segmente mais e alcance o público correto com um investimento muito mais direcionado. Isso acarreta no aumento da conversão com um menor valor investido e, por consequência, aumento das vendas e do lucro.

Hoje, é possível afirmar que grande parte dos consumidores costumam fazer suas pesquisas online antes de tomar uma decisão de compra. Por isso, é fundamental que a sua empresa também esteja presente nas plataformas digitais.

Agregue mais valor ao seu negócio

Agregar mais valor não é tarefa fácil, mas é fundamental. Nessa tarefa, é preciso que você consiga trabalhar e otimizar seu diferencial competitivo para ganhar cada vez mais notoriedade no mercado.

É hora de pensar: no que o seu produto/serviço se destaca da concorrência? Como fazer os seus clientes potenciais enxergarem esse diferencial? Esse diferencial realmente é interessante? Ele faz sentido? Elabore estratégias que reforcem essas características e coloque as ações em prática.

Quais as métricas importantes para o seu negócio?

Esse é um dos pontos mais importantes e que muitos empresários não fazem: analisar as métricas que mostram como está a sua lucratividade e, com base nos resultados, poder identificar quais são as ações mais interessantes daqui para frente.

Afinal, quando um novo cliente chega na sua empresa e faz uma compra, ele nem sempre está dando lucros. Ao contrário do que muitas pessoas pensam, nem todo novo cliente é lucrativo. Para entender isso, vamos analisar as métricas mais importantes para entender a lucratividade do seu negócio.

Ticket médio

A primeira métrica que precisa ser acompanhada é o ticket médio. Como você possivelmente já sabe, o ticket médio é o valor médio que cada cliente costuma comprar na sua empresa. Guarde esse número para fazermos as próximas interpretações.

CAC

O Custo de Aquisição de Clientes, CAC, é uma das métricas mais importantes para descobrir como está a lucratividade da sua empresa com a aquisição de novos clientes. Para descobrir esse valor, é preciso somar todos os seus investimentos em marketing e aquisição de clientes e dividir pela quantidade de clientes conquistados naquele período.

Sendo assim, por exemplo, se a sua empresa investiu R$10.000,00 na aquisição de clientes e conquistou 10 novos consumidores, cada uma dessas novas pessoas custou R$1.000,00 para o seu negócio.

Se o custo de aquisição de clientes for maior que o ticket médio, esse cliente ainda não está te dando lucro, pois o valor da compra na sua empresa não pagou o valor do investimento que você fez para adquiri-lo.

Se o custo de aquisição for igual ao valor do ticket médio, então esse cliente ainda não estão dando lucros mas também não estão dando prejuízos. Por outro lado, se o custo de aquisição for menor do que o ticket médio, a diferença dos valores é o seu lucro real, uma vez que o cliente se pagou e ainda manteve um ticket maior que o seu valor de investimento.

Lifetime Value

Por último, mas não menos importante, entender qual é o lifetime value dos seus clientes é fundamental. Essa métrica representa o tempo de vida desses clientes com a sua empresa, considerando também a frequência de compra que eles têm com você.

Essa métrica é importante porque, em casos em que o custo de aquisição é menor do que o ticket médio, é a recorrência de compra que fará você finalmente ter lucro com aqueles consumidores.

O erro mais comum do mercado é acreditar que não é possível aumentar a lucratividade sem aumentar o preço.

Como explicamos, existem várias estratégias que estão atreladas ao aumento da lucratividade que não impactam diretamente no preço do produto. A fidelização de clientes, principalmente, é uma excelente alternativa para manter a rentabilidade sem aumentar a quantidade de investimento para adquirir novos consumidores.

Esse tipo de conteúdo interessa a você? Quer aprender ainda mais sobre como melhorar os resultados da sua empresa? Curta nossa página no Facebook e acompanhe as novidades.

2 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *